Testes da vacina antifumo está progredindo

Por Top Blog

Públicado em 11 de março

1405105270_1754712234

Para muitas pessoas, parar de fumar pode ser um grande desafio. Por ser uma droga que mais causa dependência no mundo, cientistas estão testando uma vacina para fazer as pessoas pararem de fumar. Um estudo experimental testa a possibilidade de um medicamento que retarde a absorção da nicotina pelo cérebro, substância que justamente causa a dependência e possui rápida absorção pelo corpo.

Absorvida nos alvéolos pulmonares, a droga cai na circulação e chega ao cérebro em uma velocidade gigantesca: de 6 a 10 segundos. De acordo com o Dr. Dráuzio Varela, 80% dos que tentam livrar-se do fumo fracassam já no primeiro mês de abstinência e apenas míseros 3% permanecem abstinentes depois de um ano.

Para diminuir o efeito da substância no corpo, os cientistas do Instituto Scripps, na Califórnia, revelaram a descoberta de uma vacina. O medicamento aumenta o número de anticorpos que se ligam a moléculas de nicotina, atrasando os efeitos da mesma.

O problema é que esse composto ainda possui muitos efeitos colaterais associados a depressão, alucinação e brusca mudança de humor. Ou seja, ainda não pode ser aplicado, pois a solução de um problema não deve gerar outro.

A pesquisa publicada no Journal of Medicinal Chemistry também mostra que alguns dos testes falharam, comprovando assim que esta ainda é uma fase de teste da vacina. E os cientistas concluem: “Um grande obstáculo enfrentado no desenvolvimento da estratégia foi sintetizar uma concentração suficientemente elevada de anticorpos que é capaz de conter a distribuição de nicotina para o cérebro”.

Por Marina Xavier

TOP BLOG © Todos os direitos reservados.
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com